Novo Ford Fiesta

Uma compilação de músicas para ouvir em viagem sugeridas por músicos bem conhecidos do panorama musical português. Sente-se ao volante, sem destino e deixe-se levar pela música.

Um estudo recente encomendado pela Ford à Universidade de Nova Iorque que concluiu que as canções emotivas ou melancólicas podem ajudar a começar o dia com alto astral, uma sensação que pode prolongar-se durante duas horas. O estudo até apresenta exemplos específicos. Canções como Mr Brightside dos The Killers, Sorry de Justin Bieber, The winner takes it all dos Abba, Back to black de Amy Winehouse ou Everybody’s changing dos Keane podem fazer com que comece o seu dia com o pé direito.

Segundo o estudo, estes temas partilham características distintas como um ritmo que convida à condução e uma sensação de melancolia agradável e relaxante. Não é por acaso que estes temas são escolhidos por muitos condutores durante as suas deslocações quotidianas. “Em todos os domínios, a música com um elevado nível de energia deixou todos os participantes nos nossos testes com as pilhas carregadas para o resto do dia”, declarou Amy Belfi, neurocientista cognitiva da Universidade de Nova Iorque e responsável pelo estudo. Da mesma forma, ficou demonstrado que não são apenas as músicas consideradas alegres que animam as pessoas, mas também as músicas emotivas e melancólicas. Belfi destaca ainda que “as canções tristes podem fazer-nos sentir bem e podem recordar-nos, por exemplo, experiências difíceis que ultrapassámos e com as quais aprendemos”.

Songs that sound sad, touch on gloomy themes, or feel melancholy like “Sorry”, Justin Bieber; “The Winner Takes it All”, Abba; and “Mr Brightside” by The Killers, can kick-start your day with a mood boost that is still in effect up to two hours later.

E o que é que o condutor do Novo Ford Fiesta ouve?

Muito provavelmente, depende do modelo e da versão. Por exemplo, o Ford Fiesta ST tem uma linha desportiva, com umas jantes grandes, uma carroçaria musculada e detalhes vermelhos no interior. Para quem procura emoções fortes. Se é uma dessas pessoas, provavelmente o hardrock e a música eletrónica e tecno predominam na sua lista de música.

Se optou pela versão Titanium, nota-se que tem bom gosto, mas adora as subtilezas. O pop britânico adequa-se ao seu perfil, ou qualquer grupo que se preocupe com os detalhes das músicas, tal como a Ford cuida dos detalhes dos interiores.

Mas se quer ter tudo, ou seja, um automóvel de medidas compactas, mas com um interior luxuoso, seguramente que conduzirá um Ford Fiesta Vignale. Neste caso, ouve música New Age, os chamados “autores da nova música clássica”, que não receiam acrescentar arranjos eletrónicos a uma orquestra de cordas e sopro.

Seja como for, vai desfrutar do seu estilo favorito no seu sistema de som B&O Play de 675 watts, que converte o Fiesta no veículo com o equipamento mais potente do mercado no seu segmento. Os engenheiros encarregues do seu desenvolvimento testaram durante um ano mais de 5000 canções para poder assegurar-se que ao reproduzir qualquer estilo musical, não exista distorção por muito alto que esteja o volume. E ainda, dispõe de 10 altifalantes distribuídos de forma estratégica para conseguir criar um som envolvente de 360 graus. Até o equipamento de áudio foi otimizado graças a um subwoofer de 200mm e um processador digital.

Songs that sound sad, touch on gloomy themes, or feel melancholy like “Sorry”, Justin Bieber; “The Winner Takes it All”, Abba; and “Mr Brightside” by The Killers, can kick-start your day with a mood boost that is still in effect up to two hours later.

E o que ouvem os músicos no Novo Fiesta?

Pedimos sugestões a alguns músicos portugueses e criámos a playlist ideal para levar consigo em viagem (descubra-a mais abaixo). Daquelas que puxam pelo acelerador, das que pedem contemplação da paisagem ou que o fazem trautear o refrão, há de tudo neste set de 18 temas. Prima play e siga o seu destino, com a certeza de que fará uma viagem inesquecível.

Paulo Furtado é The Legendary Tigerman em palco, um músico multifacetado que, no formato ‘one man band’ toca vários instrumentos em simultâneo com um dinamismo inigualável. Vindo da escola do rock n’ roll coimbrense, de bandas como os lendários Tedio Boys ou Wraygunn é a referência no género blues rock feito em Portugal.

      The Gories – Early in the Morning

      Alan Vega – Juke Box Baby

Adollfo Luxúria Canibal é o mentor, a voz, a máquina por trás do nome Mão Morta, a incontornável banda de rock português com 30 anos de existência. Conhecido pela sua inconfundível voz grave e aclamado pela originalidade das suas composições enquanto músico, Adolfo é também um poeta virtuoso e advogado de profissão.

    Vanilla Fudge – Ticket to Ride (Beatles cover)

    Nick Cave and the Badseeds – More News from Nowhere

Afonso Rodrigues é a voz de Sean Riley and The Slowriders e também dos Keep Razors Sharp. Um dos mais reconhecidos compositores de canções da actualidade, um guitarrista virtuoso e músico por excelência, uma voz inconfundível que o público abraçou desde Farewell, o primeiro disco, editado em 2007.

    Kevin Morby – Come to me now

    Darkside – Paper Trails

Débora Umbelino saltou recentemente para a ribalta, para o caderno dos artistas emergentes e já é uma das mais acarinhadas artistas nacionais pelo público português. Apresenta-se ao vivo com o nome Surma, onde domina, sozinha, teclados, guitarra, loop stations e samplers, aos quais acrescenta a sua doce e cativante voz.

    Deradoorian – Beautiful Woman

    Bruno Prenadas – Spaceway 70

João Branco é o vocalista e guitarrista dos Stone Dead, uma das bandas que mais presença marcou este ano nos festivais de verão e que mais deu que falar pela garra e superpower com que se apresenta ao vivo. Quem não conhecia rendeu-se ao colectivo de Alcobaça pelas melhores razões e muito se deve a João Branco pela presença contagiante com que se apresenta em palco.

    Happy Mondays – Kinky Afro

    The Brian Jonestown Massacre – who?

Gonçalo Formiga é o frontman dos Cave Story, dá voz e guitarra ao colectivo das Caldas da Rainha, que mistura os géneros indie, pop, experimental e noise num rock melódico e único que já conquistou o público português. Desde a criação da banda, em 2013, os Cave Story deixam marca por onde passam e são considerados uma das bandas mais promissoras entre os novos talentos nacionais.

    Volvo to a kiss – Teenage Cool Kids

    Part Time Punks – Television Personalities

Rai figura definitivamente no top 5 dos vocalistas com mais presença em palco de que há registo na música feita em Portugal. Um verdadeiro animal de palco que tem levado consigo a banda The Poppers para os tops nacionais.

    Night Beats – No Cops

   ASAP Rocky – 1 train

Carlos BB é conhecido como um dos melhores bateristas portugueses, com provas dadas em bandas como Keep Razors Sharp, Riding Pânico, Men Eater ou Pernas de Alicate. Um feiticeiro da percussão, de estilo muito próprio e energia contagiante.

   Beastie Boys – Sure Shot

   The Notorious B.I.G – Hypnotise

Carlos Mendes muito havia para dizer sobre Carlos Mendes, uma figura incontornável do rock n’ roll feito em Portugal, mais especificamente de Coimbra. Alguém a quem é impossível ficar indiferente quando se apresenta em placo. A dupla função de baterista e vocalista põe a nu a versatilidade e a experiência deste artista que dá corpo e alma aos The Twist Connection.

   Cactus Blossoms – Mississippi

   Shannon & the Clams – Corvette

E aqui a playlist!

Descubra aqui o Novo Ford Fiesta

Peça aqui o seu test drive

Faça aqui o download do seu catálogo