Redes sociais

Com a nossa lista, vai agarrar a câmara antes do garfo: o objectivo? Tome nota de estes locais que farão que o seu telemóvel não tenha sossego.

Óbvio que as cadeiras não se comem, mas hoje em dia escolhemos muitas vezes os restaurantes pela aparência. Talvez com um bom salário extra inesperado e com o seu Ford cheio de móveis e objetos decorativos possa criar em sua casa algum recanto fantástico, mas… isso não parece ser algo muito viável, e sabe disso.

Em alternativa, apresentamos-lhe uma forma muito mais simples de conseguir o mesmo. Mas também vai precisar do seu Ford para se deslocar entre as diferentes cidades e paragens onde estão situados estes sítios tão deslumbrantes. Pois do que já não há dúvida é que se trata de uma tendência: a decoração de interiores tornou-se no motivo chave para escolher o restaurante, tanto mais que agora o primeiro que fazemos é partilhar nas redes sociais as nossas experiências.

Gostamos que nos surpreendam com algo diferente, que o lugar nos faça sentir especiais ou que nos permita guardar uma recordação diferente. Mobiliário, iluminação, decorações, gamas cromáticas, texturas… Todos estes elementos decorativos e qualquer outra sensação que influa na experiência estão em alta. E com a ajuda da nossa lista vai usar mais depressa a máquina fotográfica do que o garfo. Vai ser de fazer inveja!

Hotel Stroganov, Oliveira do Hospital

Era uma vez uma casinha rococó praticamente no meio do nada, no coração do Portugal profundo. Trata-se do hotel Stroganov, um edifício isolado, de 1898, que foi transformado num lugar acolhedor, de 5 estrelas, ao qual não falta nada. Sem ir mais longe, no restaurante do hotel, o Chaminé Russa, vai sentir-se como se fosse a própria Maria Antonieta e a sua corte. Ouro, frescos nas paredes, molduras, cadeeiros, toalhas de mesa, louças… A idiossincrasia deste espaço, pensado pela decoradora moscovita Marina Kartashova, tem em conta todos os pormenores. Tudo aqui está decorado para nos transportar a tempos passados: o jardim com roseirais e arbustos, o portão da entrada, os móveis da recepção… Na sua proposta gastronómica predominam os sabores da cozinha tradicional portuguesa: sopas, bacalhau ou caça são os protagonistas das refeições. E não se esqueça que o hotel tem um SPA com piscina termal num ambiente de nobreza oitocentista. No instagram vão simplesmente flipar.

https://www.instagram.com/p/BmeFfD2gXkg/?utm_source=ig_web_button_share_sheet

The Insólito, Lisboa

Uma das tendências indiscutíveis dos últimos anos têm sido as mesas comunitárias, espaços partilhados que permitem independência entre grupos de comensais, mas que ao mesmo tempo dotam os espaços de um dinamismo especial. Este restaurante é um desses espaços e, além disso, com umas vistas impressionantes. Com opções para todos os gostos, uma vez que também dispõe de mesas independentes e pequenos balcões com bancos altos para contemplar diretamente as colinas lisboetas, é um lugar com uma decoração variada, divertida e informal, que consegue com uma mistura de elementos fazer honra ao seu nome e constituir-se como um local insólito. Um ambiente boémio no qual poderá degustar os tradicionais ingredientes portugueses, mas cozinhados com um toque vanguardista. Para beber, a mixologia e a sua mise en scène (atentos para tirar uma foto) são elementos-chave.

Mas o que é isto? Um éden, um jardim, uma explosão de vida, natureza e exotismo em pleno coração de Madrid. Não faltam pormenores, desde as paredes até ao mobiliário, passando pela louça, toalhas e guardanapos. Tudo aqui evoca o luxo colonial de outrora com um toque muito atual. Como se isto não bastasse, a decoração do espaço foi assinada pelo decorador-estrela Lázaro Rosa-Violán e uma banda de jazz deleitará os seus ouvidos (e as suas stories de instagram, seguramente). E para comer? A fusão de cozinhas é o elemento principal: Argentina, Brasil, Amazonas, Japão… Como a cozinha está à vista de todos os comensais, poderá comprovar como se prepara o tadoori ou as espetadas e a picanha na brasa. Este oásis dos sabores também oferece pratos leves, opções vegetarianas e uma seleção de cocktails clássicos e da casa, muito interessantes.

View this post on Instagram

#DescubreAmazonico: Comparte tu velada con nosotros y disfruta de nuestra cocina de inspiración tropical, asiática y mediterránea. Te animamos a acabar la noche al ritmo de un concierto en The Jungle Jazz Club, en nuestra planta baja. . . Share your evening with us and enjoy our cuisine with tropical, Asian and Mediterranean inspirations. You can even finish the night to the rhythm of a concert at The Jungle Jazz Club, on our ground floor. #Gastronomia #food #foodie #foodies #foodporn #foodlover #foodpics #foodstagram #foodgasm #foodpic #instacool #instapic #instagramhub #instafood #yum #yummy #amazing #eat #photooftheday #photography #pic #picoftheday #picture #Madrid #Amazonico #grupoparaguas

A post shared by AMAZÓNICO RESTAURANTE (@amazonico_restaurante) on

Espai Joliu, Barcelona

Vámonos a Barcelona. Poble Nou es la antigua zona industrial más prometedora del mundo. Todos estos almacenes y naves están dando lugar a espacios creativos extremadamente interesantes, y con decoraciones variopintas. Aún así el estilo natural y cálido tipo nórdico destaca. En Espai Joliu respirarás creatividad, respeto por la tradición, vintage, y ambiente ecofriendly. Las mesitas de la abuela se mezclan con sillas de colegio, azulejo hidráulico, mobiliario rústico, y plantas, muchas plantas. En realidad se definen como ‘plant concept store’, pero su propuesta de barra bien merece una visita con atención. Aquí puedes desayunar durante todo el día un riquísimo specialty coffee, fruta fresquísima y auténtica boulangerie casera de esa que te transporta al paraíso de los pasteles y de la mantequilla. Todo en Espai Joliu es precioso, diferente, acogedor y cualquier rincón te impulsará a fotografiar y compartir.